domingo, julho 09, 2006

a casa.

eles eram o tal casal perfeito das histórias côr-de-rosa e ambições de pais.

o sucesso e a beleza tinham unido as mãos e havia amor. palavra cada vez mais em uso e cada vez menos levada à prática, mas não no caso deles. este casal amava-se.


Stan Trampe

praticavam e diziam todas as loucuras dos recém chegados ao grupo dos amantes que se casam.

- e se comprássemos casa aqui e ficássemos para sempre nesta terra? é tão bonita!

- amor, eu queria tanto como tu que a lua de mel durasse sempre mas os negócios esperam, o meu pai não aguenta já tanta sobrecarga, não é novo...

- mas viver com eles eu não vou. isso está decidido.

- vão ficar infelizes, desde que te conheceram que te imaginam como mais uma filha a cirandar pela casa e a alegrá-la...

- e tu? não preferes que alegre a nossa?

- tens razão minha querida. amanhã partimos e só paramos depois de comprar o nosso castelo.

palavras banais. ridículas se não sussurradas ao ouvido entre beijos húmidos de luz.

regressaram.

nenhuma casa agradava a Tina, sobretudo as novas.

- são tão frias!

- mas não precisam de obras. poupam tempo. sabes que não terei muito para me dedicar a orientar pedreiros ou decoradores.

- eu trato disso. será o meu trabalho.

por fim encontraram uma, anoitecia já, era num pequeno monte.


FP photography

- que vista vamos ter ao acordar!

- tens a certeza, Tina, é aquilo que queres? parece ter já séculos e é triste.

- eu tratarei de a transformar num palácio digno de ti, descansa amor.

de nada serviu que o próprio vendedor quisesse mostra-lhe outra moradia e parecesse inquieto até sair dali.

a palácio era dela e não havia nada a discutir.

entraram na casa dos pais dele tão felizes como jovens vindos da primeira saída nocturna, e amaram-se como se fosse a primeira vez.

(segue)

11 Comments:

Blogger rouxinol de Bernardim disse...

é a primeira viz que aqui venho! fiquei deliciado! Parabéns!

2:37 da tarde  
Blogger Teresa Durães disse...

Continuo por aqui! A ler! Bom domingo.

3:49 da tarde  
Blogger della-porther disse...

D.

Enfim voltaste.
Nova estória e aqui estou para apreciar este enredo.
Curiosidade não me falta.

beijos e uma boa semana.

6:33 da tarde  
Blogger emília couto disse...

Mortal

Quem casa quer casa. Estou atenta a continuação.
E serei mais frequente.

beijos

6:45 da tarde  
Blogger Moleiro de Mancha disse...

Já temos história nova.
Bom. Este lugar me apetece. Pra começar o domingo, vamos a boa leitura.

um abraço

6:46 da tarde  
Blogger della-porther disse...

Mortal

Estou acompanhando, com muita atenção.

beijos

6:49 da tarde  
Blogger Roderick disse...

Se é a casa da foto já é um "Palácio".

10:27 da tarde  
Blogger Era uma vez um Girassol disse...

Soma e segue....
Mais uma história, estou curiosa!
Bjs

10:48 da tarde  
Blogger madalena pestana disse...

Obrigada minha gente, vou visitá-los à noite que agora estou com trabalho até aos cabelos...mesmo em hora de almoço.

Só faço uma pausa para tentar postar senão nem logo os visito.

Boa semana e bjs.

:)

11:54 da manhã  
Blogger Freyja disse...

Ellos eran el amor…que hermoso saber que ya están juntos
Envueltos en la magia del amor…construyendo sueños
Un castillo es el amor de ellos
Que bello, haces imaginar todos esos momentos donde toman sueños para ser felices
Gracias por tus saludos en Mis Ausencias, las utopías siempre están y a veces nos hacen volar muy alto
Que sea una linda semana
Besitos


Besos y sueños

9:23 da tarde  
Blogger Um outro olhar disse...

estou a gostar, e continuo a lêr


:)

9:58 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home